Sexta-feira, 18 de Maio de 2007

A minha familia...

0004a2z3

 

A minha familia...

Um almoço na nossa Charneca, a quintinha da familia Cardoso... o nosso mundo, onde todos gostam de estar,  onde todos aprenderam a andar e a sentir o cheiro do mar...

mas poucas vezes posso lá ir,,, quando vou, está sempre tudo na mesma, e sinto uma especie de silencio absoluto... é um mundo à parte

Neste domingo estavamos todos, ou quase todos, até a Avó Gina foi, e como a mais velha da familia é a chefa da mesa!

Eu como sempre , nos ultimos 27 anos fico ao lado do meu Pai, todos cresceram, quase tudo já casou, mas sentar sempre ao lado do pai as refeições e ter colinho é algo que nunca mudou nem nunca vai mudar!

O meu pai a brincar até diz ao Pedro que chegou primeiro! E que eu sou dele para sempre!

É bom... o meu pai diz isto umas 100 vezes nestes dias, mas eu sei o que ele quer dizer!

Embora sejam um bando de chatos! E issencial ser amado para saber amar...

Obrigada familia...

 

 

publicado por Sandra Cardoso às 00:39

link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Pedro a 18 de Maio de 2007 às 11:57
Também adoro esses dias na Charneca. Para mim é, ou foi, uma experiencia nova. A minha familia sempre foi pequena, nunca existiram estas reuniões massivas da família, nem no Natal sequer. Talvez por isso, como é natural, nunca dei grande valor a isso nem nunca senti falta. Agora vejo o que andei a perder. Sinto-me em casa, toda a gente me trata bem, toda a gente me ama, toda a gente me respeita. Adoro !! O Big Boss Cardoso agora anda a tentar fazer de mim um cavador. Um destruidor de ervas daninhas la do terreno... "vais ver que depois de veres isto tudo cultivado vais sentir ao um prazer enorme .. " !!! Porraaaa !!! Até pode ser verdade mas andar ali a revirar a terra, a pôr em montinhos, acartar para cima e para baixo dá cabo de um gajo. Mas sabem que mais : É de facto bom, fazemos isso sempre na galhofa na palhaçada um com os outros... o desgraçado do tio Júlio (que tem uma parcela de terreno igual mesmo lado) é o alvo preferido. Por vezes contenho-me, afinal de contas também é do Belém, e um irmão é um irmão !! :)
Por incrível que pareça por vezes sinto que a minha real familia é a Cardoso. É estranho sentir isso. Nem acho que a minha avó ou o meio pai se sentiriam magoados se eu dissesse isso. Não está em causa o que sentem por mim, mas a irmandade que se sente entre todos. Quando fui à Australia fiquei admirado com a entreajuda entre as pessoas. Alguem precisava de alguma coisa havia logo meio mundo a arranjar maneiras de o desenrascar. Ali para as bandas dos Cardosos, a coisa funciona assim. Não é q nao haja problemas, claro que há mas nao valem nada quando comparado com o resto. É bom !!! Sinto-me bem !
Obrigado Amor
De Pedro a 28 de Maio de 2007 às 14:22
" toda a gente me ama"

Isso é o q tu gostas...de preferência à canzana e com alguma violência à mistura...ui..as doideiras na cave lá do prédio...enfim...não contes essas coisas à Sandra...nem isso nem a mania q tinhas de usar as cuecas até às orelhas...
:):):)

ò Sandra tu fizeste de um local um lamechas de primeira...
:):)

Comentar post

.o que se pode saber de mim. O resto é um mistério...

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.as mais recentes alucinações...

. Em frente ao mar que nos ...

. Iris

. vamos fazer alguma coisa?

. Eu e a minha malta... nas...

. Maria dos olhos doces...

. ...

. 2 anos...

. ...

. Intercambio de animais!

. Alvaro Charneca!

.alucinações antigas...

. Setembro 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds