Quarta-feira, 14 de Setembro de 2005

Elogio ao amor puro! Por Nuno...

Copy of feira vegetariana 036.jpg


Parece-me que ja ninguem se apaixona de verdade. Ja ninguem quer viver um amor impossivel. Ja ninguem aceita amar sem uma razao.
Hoje em dia as pessoas apaixonam-se por uma questao pratica. Porque da jeito. Porque sao colegas e estao mesmo ali ao lado.Porque se dao bem e nao se chateiam muito. Porque faz sentido. Porque e mais barato, por causa da casa.Por causa da cama. Por causa das cuecas e das calcas e das contas da lavandaria.

O amor tornou-se uma questao pratica.O resultado e que as pessoas, em vez de se apaixonarem de verdade ficam"praticamente"apaixonadas.

Eu quero fazer o elogio do amor puro, do amor cego, do amor estupido, do amor doente, do unico amor verdadeiro que ha. Nunca vi namorados tao embrutecidos, tao cobardes e comodistas como os de hoje. Incapazes de um gesto largo, de correr um risco, de um rasgo de ousadia.

Ja ninguem se apaixona? Ja ninguem aceita a paixao pura, a saudade sem fim a tristeza, o desequilibrio, o medo, o custo, o amor...

O amor nao e para ser uma ajudinha. Nao e para ser o alivio, o repouso, o intervalo, a pancadinha nas costas, a pausa que refresca, o pronto-socorro da turtuosa estrada da vida, o nosso"da la um jeitinho sentimental".
O amor fechou a loja. Foi trespassado ao pessoal da pantufa e da serenidade. O amor e uma coisa a vida e outra. A vida as vezes mata o amor. A "vidinha" e uma convivencia assassina.

O amor puro nao e um meio, nao e um fim, nao e um principio, nao e um destino. O amor puro e uma condicao. Tem tanto a ver com a vida de cada um como o clima. O amor nao se percebe. Nao e para se perceber. O amor e um estado de quem se sente. O amor e a nossa alma. Aa nossa alma a desatar, a desatar a correr atras do que nao sabe, nao apanha, nao larga, nao compreende. O amor e uma verdade.
E por isso que a ilusao e necessaria. A ilusao e bonita, nao faz mal. Que se invente e minta e sonhe o que quiser. O amor e uma coisa a vida e outra. A realidade pode matar, o amor e mais bonito que a vida. A vida que se lixe.

Nuno

___________________________________________________________________________

Não sei se o amor puro ainda existe… pelo menos se consegue sobreviver, as impuresas da vida, a sujidade que as pessoas trazem na alma!

Não sei se é eterno como dizem, ou se dura menos que um olhar, um sorriso, um toque…

Não sei sequer sei se já amei, porque o conceito é quase tão abstracto como a própria vida…

Mas sei, que a paixão faz parte da vida, sei que só faz sentido viver uma paixão se for com o corpo e com a alma!

Sei que na minha vida não existe espaço para meias paixões, ou paixões faz de conta!
Isso é Tang, sumo que não é sumo, sumo que é pó na água…

Por isso, não sei se o amor existe como conceito, mas existe com certeza em palavras, beijos, carinhos…

E se a mitologia estiver certa, anda ai a tua alma gémea! Não procures que ela vem ter contigo!

Sandra Paula Duarte Cardoso
publicado por Sandra Cardoso às 12:55

link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De thy a 16 de Setembro de 2005 às 11:32
É que ha "amigas" que tendem a denegrir a minha imagem...

De Sandra a 16 de Setembro de 2005 às 10:52
Thy tu és uma supresa...
De thy a 15 de Setembro de 2005 às 16:44
Vou começar por dizer à Tininha que "tambem" sou assim. Não diria sensivel que tem uma conotação meio complicada, mas obviamente sei "lidar" com estes temas. Ou se calhar estou a ficar lamechas por estar longe.

Se estou apaixonado??? Obviamente. Pela minha mulher, pelas minhas filhas, pelas minhas amigas que me enviam fotos sensacionais, até pelo meu trabalho. Eu sou um gajo de paixões. Mas isso só funciona porque o meu "lume brando" me da força nos momentos mais dificeis.
De Sandra a 15 de Setembro de 2005 às 12:20
não é lama, é alma!

é o que faz andar nas nuvens!
De cris a 15 de Setembro de 2005 às 12:11
este gajo andou a beber... de onde é que surgiu toda esta sensibilidade?!? Tu não és assim thierrizinho...
De Sandra a 15 de Setembro de 2005 às 12:10
As tuas palavras transparecem o que te vai na lama!
Estás apaixonado… não é o entusiasmo inicial da paixão… é a maturidade da paixão, já misturada com amor!
Poucos sabem o que é estar apaixonado ou amar, poucos conseguem ser amados, e menos ainda conseguem amar e serem amados intensamente!
A tua passagem por cá já valeu a pena gajo!

Lindo...
De thy a 14 de Setembro de 2005 às 17:08
...Eu quero fazer o elogio do amor puro, do amor cego, do amor estupido, do amor doente, do unico amor verdadeiro que ha...
Posso estar enganado, mas isto não é amor puro. Isto é a combinação explosiva amor e paixão. É que se o amor tende a ser eterno, ninguem consegue viver eternamente estupido ou doente. Isso é proprio da paixão... e é bom estar estupidamente doente.
O amor é o lume brando que vai mantendo a relação quente. ... e mesmo quando é rotineiro, se ainda for amor (por vezes ja não é. É comodismo), é sumo de fruta acabado de espremer.

Comentar post

.o que se pode saber de mim. O resto é um mistério...

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.as mais recentes alucinações...

. Em frente ao mar que nos ...

. Iris

. vamos fazer alguma coisa?

. Eu e a minha malta... nas...

. Maria dos olhos doces...

. ...

. 2 anos...

. ...

. Intercambio de animais!

. Alvaro Charneca!

.alucinações antigas...

. Setembro 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds