Quinta-feira, 23 de Março de 2006

Ando sem inspiração....

beijo.JPG

Sabes que quando oiço musica penso em ti… sabes quando entro em casa e olho para a nossa cama sinto o teu cheiro… sabes que sou absolutamente apaixonada por ti… sabes que te amo perdidamente? Sabes que ainda não te disse tudo, ainda não te beijei tudo, ainda não te disse tudo o que sinto por ti…
Sabes que por vezes acordo com os teus beijos e sinto que o mundo é perfeito… sabes que nunca me farto de estar contigo… sabes que todos os dias anseio ter tempo para te dar mais um beijo, para conversar contigo… para olhar nos teus olhos…

Não sei o que passa, mas ando sem inspiração para escrever, ando vazia de letras… não de sentimentos, talvez a minha esperança ande abalada, ou menos forte… são tantas as coisas horríveis que vejo fazer, são tantos os problemas que parecem aumentar sem que os possa parar! Cada dia mais um e-mail com mais um problema, mais uma aflição que já nem sei como ajudar, quanto mais resolver…

Para escrever a AU da Amnistia li durante 3 dias folhas e folhas de atrocidades que as pessoas sofrem diariamente… é o meu trabalho, mas fico tão cheia de raiva, revolta… quem pode pensar que manda na vida dos outros… acabar com a vida dos outros…
Porque, para quê! Acho que tenha sido isso que me chupou a inspiração para escrever…

Mas tenho diariamente inspiração para viver… essa não passa!
Amo-te
publicado por Sandra Cardoso às 16:49

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 16 de Março de 2006

Jackie

Jackie3.jpg

Observo os animais encantada… como olham, como entendem o mundo, como se relaciona, uns mal outros bem… alguns dizem semelhantes aos humanos, quanto a mim, estão um patamar à frente…
Na nossa casa temos dois cães residentes, são os nossos filhos, Não me lembro de existir sem que eles estejam por perto, são uma parte de mim.
Com eles aprendi que por vezes não é preciso dizer nada, ficar quietinho enquanto quem gostas chora, ou está doente, dar a lambidela no momento certo, chega!
Todos os dias quando chego a casa tenho a maior das recepções, adoram pular e correr, mas quando vão para um sítio com espaço, ao fim de algum tempo já estão perto de nós, ao nosso colo ou deitadinhos em cima dos pés, como tanto adoram fazer!
São dois personagens aqueles meus cães, cheios de personalidades, mas com uma doçura no olhar difícil de passar despercebido!
Gostam em geral de tudo e de todos, e cada vez que chego a casa com mais um desgraçado abandonado na rua, doente, seja grande ou pequeno, é bem recebido, partilham tudo, cama, comida, os donos, tudo! Esta tudo na maior e depressa se nota o poder do carinho deles em reabilitar o novo hospede!
A nossa última missão, chama-se Jackie, é uma linda cachorrinha com 4 meses.
Em dia de campanha enquanto os voluntarios Pedro Cortez e Pedro Bartolomeu retiravam alguns animais para participarem na campanha, chegou um senhor bem posto, para entregar esta pequena cadelinha ao canil, alegou estar doente etal! Claro que eles não aguentaram e não permitiram, trouxeram, a bichana…
Chegaram os dois de cabeça baixa, a dizer que ela tinha ataques estranhos e estava gravemente doente… olhavam um para o outro, e estava tudo meio perdido…
Vi a menina, linda de morrer, percebi que estava mesmo gravemente doente, ficou de lado, não poderíamos dar para adopção um animal assim, tinha ataques de dores, gania, não andava, não tinha força, enfim… um quadro clínico bem complicado!
No fim da campanha após a bichana foi levada ao veterinário, pensamos em esgana nervosa já avançada… tristes olhávamos uns para os outros com a possibilidade de abate em mente…
Afinal não era preciso, havia outra possibilidade, maus tratos repetidos e graves…
Foi para a nossa casa, juntos víamos apavorados o terror do animal, o seu estado de magreza, as suas dores… aos poucos fomos conseguindo chegar perto, até que um dia, enquanto trocávamos carinhos os dois com ela no meio, ela reagiu e quis participar dos carinhos, pediu beijinhos, e chegou a sua boquinha à nossa, estarrecidos de felicidade partilhamos com ela todo o nosso amor e sentimos que estava no caminho da recuperação, e assim foi, dia para dia, ficou melhor, tomou todas as picas, comprimidos, começou a comer muito, a tentar brincar a tentar andar, e hoje esta uma sirigaita de primeira! Sempre com o seu pai adoptivo e a mãe galinha a traz, e claro nós os dois que ficamos com o coração repleto de esperança! Afinal o amor cura mesmo, contagia os que estão à volta e resolve o que a ciência não consegue…
Por vezes fico cheia de coisas más, chatices do trabalho, gente burra, gente má que passa a vida a chatear e a inventar mais coisas para promover o mal!
Gente que adopta animais e depois os descarta como lixo, já foram abandonados e ainda tem de ser sujeitos a mais este número! Outros acham que somos deus, e estamos em todo o lado! Outros ainda acham que não temos mais nada para fazer do que os aturar com as suas frustrações e maluqueiras! E ainda aquelas que tem a lata de descartar o seu trabalho para cima de nós! Enfim o mundo… mas mal vejo a estátua do Marques de Pombal, começo a ter a sensação que já sinto o cheiro deles, que já estão à porta à minha espera… tiro os sapatos, beijo o meu amor, e esta completo o meu para paraíso…
Sou feliz!

Sandra Duarte Cardoso
publicado por Sandra Cardoso às 17:00

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quarta-feira, 8 de Março de 2006

DIA DA MULHER

AMOR da minha vida,

Hoje é o dia da MULHER. Tal como todos os outros dias que se celebram ao longo ano, este serve apenas para lembrar a todos que algo de muito valoroso existe.

Tal como nos outros dias especiais, é algo que deveriamos alimentar e celebrar todos os dias.

Desde que conheci a minha Deusa Nordica que tudo isso faz ainda mais sentido. A rainha das mulheres vive comigo, acorda comigo, beija-me todos os dias de manha e ilumina-me o dia.

A rainha das mulheres tem de ser aquela que é um exemplo. Pela dinamica, inteligencia, versatilidade, empenho, carinho e sobretudo apoio !! Para mim tu és... sem duvida, tudo isso e muito mais, sempre com o teu jeito tão especial, tão teu ......

Tenho um enorme orgulho em ti.... em tudo o que fazes, por ti, por mim, pelos amigos, conhecidos e desconhecidos ..........Fazes-me sentir um previligiado.

Obrigado por tudo,

Adoro-te amor da minha vida,

Amo-te com todas as celulas do meu corpo,

Pedro
publicado por Sandra Cardoso às 23:05

link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|

.o que se pode saber de mim. O resto é um mistério...

.pesquisar

 

.Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.as mais recentes alucinações...

. Em frente ao mar que nos ...

. Iris

. vamos fazer alguma coisa?

. Eu e a minha malta... nas...

. Maria dos olhos doces...

. ...

. 2 anos...

. ...

. Intercambio de animais!

. Alvaro Charneca!

.alucinações antigas...

. Setembro 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds